1.29.2013

Vida social e vida acadêmica: como conciliar?


Início de semestre e começa tudo novamente para nós, que já iniciamos o curso de Direito. Para os que vão começar o curso agora, é o início de um grande sonho. O sonho de ser advogado, promotor, magistrado, o sonho de fazer valer o que está preconizado nos dispositivos legais e por fim, muito mais que um sonho, mas sim uma missão: fazer justiça.

O objetivo principal desse pequeno artigo é, acima de tudo, fazer com que as dificuldades que o curso de Direito tem não façam com que vocês, que estão iniciando o curso agora, deixem de lado a vida social, os momentos de lazer, boas leituras (leituras prazerosas mesmo, de lazer, além daquelas que o curso irá exigir de você), enfim, que você consiga levar em paralelo a vida acadêmica e também a vida social.

Antes de qualquer coisa, conto para vocês a motivação desse meu artigo: estava eu no facebook, quando me deparei com uma foto, dessas páginas que dizia: “Início de semestre. Tchau vida social. Tchau festas. Tchau amigos...” e eu achei isso um tanto quanto absurdo e aterrorizador para quem está iniciando o curso agora. Não serei hipócrita de dizer que o curso é simples e pode ser levado passando por noitadas, festas durante a semana e coisas assim; mas com toda certeza o curso pode sim ser intercalado com a vida social.

Vejamos: é claro que se você levar o seu curso participando de festas de segunda a segunda, é obvio que isso não vai dar certo e você não vai conseguir tirar notas suficientes para aprovação na faculdade, a não ser é claro, que você seja um super humano. Cada um com suas particularidades. No meu caso, eu optei pela organização. De segunda a sexta, dedicação exclusiva à faculdade, com algumas exceções, é claro, em caso de aniversário de um amigo, de um familiar e quando isso me acontece, uso o método da compensação: se eu fiquei sem me dedicar no meio da semana; no final de semana eu vou compensar esse tempo de estudo perdido (que sempre ‘reponho’ no sábado, por que eu acho muito ruim estudar no domingo). No sábado, eu estudo na parte da manhã (mais ou menos de 07h00min as 12h00min) e tenho meu final de semana (sábado à tarde e domingo) muito tranqüilo, não precisando me preocupar com algum estudo atrasado.

Bom pessoal, a mensagem que eu gostaria de passar pra vocês é: não se desesperem! Dá sim para conciliar a vida social e a vida acadêmica, mas para que isso ocorra será necessário que você tenha organização e disciplina. Com isso, com certeza você será bem sucedido em ambas. E não caia em terrorismos que são feitos pelos ‘veteranos’. O que eles querem realmente é ‘valorizar o passe’; tentando fazer com que os que estão chegando aí já venham com medo, ansiosos e receosos, o que com certeza atrapalha no bom andamento da vida acadêmica.   

Muito obrigado.

Grande abraço;

Thomás Oliveira

Um comentário:

  1. Concordo com você, dá sim pra conciliar. Tô no fim do 4º periodo de Direito na UFPA, e já fui bastante criticada por ter vida social nos finais de semana, acredita? Tenho 18 anos e se eu não conseguir equilibrar isso agora, não vou conseguir nunca. Me chamam de relapsa, que eu só vivo em festa, mas a maioria não sabe nem do que fala (pessoalzinho julgador e que se "faz" de nerd da faculdade), enfim, eu faço o seguinte: tenho 8 matérias nesse semestre, estudo 2 por dia, de segunda a quinta e na sexta tento revisar Penal ou Constitucional que são as que eu mais gosto de estudar. :D
    Parabéns pelo blog, beijo!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário.

Diário de um estudante deDireito

No ar desde 2012 e com mais de 10 milhões de acessos, o @diariojurista figura como um espaço virtual para a comunidade acadêmica e não acadêmica também. Com textos objetivos e com linguagem simples, visa compartilhar informações, resumos, notícias, dicas e troca de ideias a quem por elas se interessar. Quem escolheu o Direito será um eterno estudante.




Postagens recentes

recentposts

Não deixe de conferir

randomposts