Uma aluna de sete anos da Escola Municipal Piratini, no bairro Pinheirinho, em Curitiba, foi recol...

Menina de 7 anos guardava parte da merenda escolar para os avós no PR

By | quarta-feira, agosto 14, 2013
Uma aluna de sete anos da Escola Municipal Piratini, no bairro Pinheirinho, em Curitiba, foi recolhida pelo Conselho Tutelar após professores perceberem que ela guardava parte da merenda escolar para dividir com os avós em casa. O caso ocorreu na última sexta-feira (9).

De acordo com professoras da escola, todo dia a aluna era vista guardando algumas bolachas ou outros alimentos para levar para casa. "A situação precária tanto dos avós - que a levavam diariamente para a escola - quanto da criança era visível", contou uma delas que não quis se identificar.
A menina morava com os avós paternos desde que foi abandonada pelos pais. O Conselho Tutelar confirmou o caso, mas não quis comentar sobre a situação em que a menina vivia.

A 2ª Promotoria de Justiça da Infância e Juventude de Curitiba, do MP-PR (Ministério Público), afirmou que solicitou à Justiça que a criança seja mantida em acolhimento institucional enquanto não sair o resultado da averiguação para decidir se ela poderá voltar para a casa dos avós ou não.
Segundo o MP-PR, a menina foi recolhida devido à situação de abandono em que se encontrava.
Em nota, a prefeitura municipal de Curitiba informou que a família é atendida, desde dezembro de 1997, pela FAS (Fundação de Ação Social) e recebeu visitas domiciliares dos agentes sociais assim como cestas básicas.
Por respeito à individualidade de todos os envolvidos, e em acordo com determinação do Estatuto da Criança e do Adolescente, a FAS informou que mantém em sigilo as informações detalhadas sobre o atendimento prestado à família.


Fonte: Bol 
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial