domingo, janeiro 18, 2015

Dicas para calouros: Parte 1

Ah a vida de calouro! Tudo é novidade, tudo é mágico!
Acabou de ser aprovado(a) no curso de Direito e quer umas dicas? Deixarei algumas aqui e prometo sempre postar mais. Ah, vou especificar cada uma posteriormente, não se preocupe! Você pode entrar em contato pra perguntar o que quiser também! :)


1º Não saia por ai dizendo que vai processar Deus e o mundo alegando conhecer os seus direitos, isso é a coisa mais nonsense que existe;


2º Não compre vade mecum esse ano, além de ser pouco usado - apenas para a LINDB - o código de processo civil foi alterado então o vade que você comprar agora em 2016 estará ultrapassado por um novo CPC;

3º Tenha em mente que 90% do que você precisa saber não é dado em sala de aula, então sua maior fonte de conhecimento deve ser o livro e não os resumos que o prof passa em sala. Ok, existem exceções e professores maravilhosos, mas nenhum deles substitui o livro.

4º Tente desde já se familiarizar com o costume de ler informativos. Além de ser didático, é uma forma de você aprender bastante porque os informativos dos tribunais superiores são super didáticos e bem explicativos; A leitura da jurisprudência ajuda a compreender a teoria na prática. Mas vá devagar, veja "sem compromisso" por enquanto. Posteriormente explicarei como fazer isso de forma simples e objetiva;

5º Tenha um bom caderno de anotação, você não precisa ler livro pra ser aprovada ou se formar no curso. O que mais tem por ai é zé que não sabe a diferença entre analogia e interpretação analógica (coisa básica do direito penal), mas que vive se gabando por ser bacharel. Então, como disse no item 3º, grande parte do que você precisa saber não é dado em sala porque são nuances complexas que um prof sozinho não consegue exaurir.

6º Estude pra prova pelo caderno, estude para o curso pelo livro. 

7º Por isso, saiba diferenciar nota de mérito. Nem sempre quem tira 10 manja de tudo, na verdade muitos pegam provas anteriores, decoram e fecham a prova mas não sabem fazer um "O" com copo;

8° Você pode ser o que quiser, desde que tenha a consciência de que quanto mais alto o lugar onde você quer chegar, mais dolorosa será a caminhada. Então se quiser ter resultados diferentes da massa, pratique ações diferentes das que eles praticam, assim você não será apenas mais um(a) iludido(a) no curso;

9º Você não precisa deixar de "viver" por causa do curso, isso é coisa de desesperado que deixa pra fazer trabalho de madrugada ou pra estudar em dia de prova. Esse tipo de gente não é exemplo positivo de nada, no máximo nos ensinam o que "não fazer", assim, aceite o fato de que existem muitos veteranos mais burros que os calouros. A prova disso são os 90% de reprovação na OAB.

10° Nunca deixe que sua inteligência ou conhecimento considerável no meio jurídico aumente seu ego ou suba a sua cabeça. Lembre-se que você vai estudar termos difíceis, lógicas complexas e muitas vezes à beira da incompreensão para defender direitos e prerrogativas de pessoas que muitas vezes não sabem sequer assinar o próprio nome, tenha consciência disso porque é o que mais está em falta hoje em dia. Boa sorte!

Vídeo da semana

Entre em contato

Nome

E-mail *

Mensagem *