sábado, setembro 10, 2016

Os 06 milhões e eu

06 milhões de acessos - diário de um estudante de direito

Olá amigos. Ultimamente, como vocês podem notar pelas datas das postagens, está difícil manter o blog atualizado com a frequência que eu desejo, mas, mesmo assim, tive a grata surpresa de ver que ultrapassamos a marca de 6 milhões de acessos.

Fico muito feliz de ver o @diariojurista chegar aonde chegou, o que é muito para um blog modesto que fala de direito quando o autor pode falar.

Nunca imaginei que conseguiria manter um blog por tanto tempo – para quem não sabe, eu criei ele quando estava no início do Curso de Direito (2012) e agora estou em contagem regressiva para a formatura (concluirei no final deste ano).

Criei simplesmente por curiosidade, por não encontrar na web um espaço que falasse do aluno de direito e não do aplicador já pronto pra enfrentar as problemáticas que a vida prática joga na mesa e pede solução (pra ontem!).

Neste humilde recinto virtual contei praticamente tudo que passei até aqui, contei minhas inquietações sobre as primeiras provas da faculdade, contei sobre minha iniciação científica, contei sobre minha monitoria, contei sobre meus estágios, contei sobre minha aprovaçãoda OAB, só falta contar sobre o TCC, mas isso é tema para os próximos capítulos.

No entanto, eu sempre aproveito algo que passo não apenas pra informar, mas sim extrair os problemas enfrentados e de alguma forma fornecer dicas de como passar por esses caminhos sem tropeçar na mesma quantidade de pedras que encontrei, muitas vezes por falta de um direcionamento adequado.



06 milhões de acessos - diário de um estudante de direito


Gente, o curso de direito é muito amplo! Faculdade nenhuma vai te dar um super manual de tudo que você pode passar e de todas as oportunidades que você pode encontrar. Ao menos aqui eu tentei passar o máximo de informações que coletei durante a vivência na graduação e mesmo assim ainda há muito conteúdo a ser produzido. Vocês não perdem por esperar!

Por conta dessa preocupação em sempre compartilhar a realidade e dicas de materiais e etapas dentro da graduação, conheci leitores de todas as partes do Brasil e fiz vários amigos. Em que pese a maioria sempre querer trocar uma ideia ou pedir uma dica, alguns também simplesmente entraram e entram em contato apenas para desabafar e encontrar aqui um ombro amigo virtual que não encontram durante o extenso tempo que passam na faculdade. O mundo acadêmico as vezes é mais massacrante do que imaginamos, com esses quase 05 anos de blog e com vários relatos eu pude ver como isso é real. Mas também recebi várias histórias de verdadeira superação, pessoas que matam um leão por dia para poderem estudar e, muitas vezes, serem os primeiros da família a concluir nível superior.

Isso acabou trazendo para mim uma responsabilidade que jamais pensei que teria. Percebi que meus leitores começaram a valorizar bastante minhas palavras e com o passar do tempo eu tentei – e tento – sempre fornecer um posicionamento equilibrado, livre de paixões e achismos porque o que falamos na condição de formadores de opinião é levado a sério e, de alguma forma, repercutirá na vida de alguém. Se é para repercutir, que seja algo positivo, penso eu.

Ao mesmo tempo me sinto honrado pela consideração dada por cada um que entra aqui ou que troca ideia comigo. Não é fácil manter um blog na internet que possui outros milhões de sites disputando sua atenção.

Por isso valorizo cada visita, cada comentário, cada e-mail enviado, cada crítica ou sugestão porque sei que o tempo é o bem mais valioso que temos e ele jamais retorna, então tento sempre melhorar e fornecer um conteúdo que de fato valha a pena ser lido e acrescente algo na vida acadêmica ou pessoal dos leitores do blog. Prometo fazer isso mais vezes quando sair do TCC, hehehe.

Eu só tenho a agradecer a cada um que me acompanhou e que acompanha o Diário de um Estudante de Direito até aqui. Novos tempos virão, novos conteúdos e histórias também, mas a consideração, responsabilidade e preocupação com a qualidade do conteúdo apresentado a vocês serão sempre os pilares de sustentação do blog.

Por isso, aliás, peço que continuem enviando sugestões e saibam que sempre estarei aqui do outro lado da telinha pronto pra receber seu e-mail e conversar sobre o amor que une todos nós que é o danado do Direito, apesar de tudo. Como futuros operadores dele, temos que nos manter em constante atualização e evolução para que quando chegar a nossa hora H estejamos prontos para aplicar e sermos o contrário do que tanto criticamos. Espero que o @diariojurista de alguma contribua com isso e é com base nessa esperança que manterei esse espaço aberto. Até a próxima, pessoal! Vamos juntos. Muito obrigado!



Vídeo da semana

Entre em contato

Nome

E-mail *

Mensagem *